4 estratégias de Marketing para negócio B2B

Marketing digital

Todo negócio precisa se destacar em seu nicho de atuação e para empresas cujos consumidores são outros empreendimentos, se valer do marketing para negócio B2B é uma excelente opção.

Para ficar ainda mais claro, B2B é a sigla para Business to Business, ou seja, “negócio para negócio”, em português. Ou seja, trata-se de uma empresa que tem uma ou mais organizações como cliente final.

Existe uma série de estratégias de marketing voltadas para este tipo de mercado, para diversos tipos de metas. Contudo, neste artigo, estaremos focando nos seguintes:

  • Inbound marketing;
  • Marketing de relacionamento;
  • Marketing ABM (Account-Based Marketing);
  • Marketing digital;
  • Marketing de conteúdo.

Para isso, antes de tudo, iremos explicar um pouco mais sobre o que e como as empresas B2B se movimentam e crescem no mercado.

Entenda o que é Business to Business

Os negócios no modelo Business to Business têm seu foco voltado em prestar serviços para outras companhias. Muitas empresas terceirizadas são B2B, uma vez que elas crescem a partir da prestação de serviços para empresas que podem contratá-las.

A abertura de empresas desse ramo surge com a oportunidade de demanda que alguns grandes negócios procuram. Tanto que existem muitos negócios que terceirizam parte de seus serviços pelas vantagens de fluidez, mesmo que o contrato seja de curto prazo.

Nesse cenário, imagine o dono de um negócio de costura que observou que uma grande empresa precisava contratar alguém para produzir seus uniformes.

Então, o pequeno empreendedor decide transformar o seu estabelecimento para fechar contratos com empresas que demandam seu trabalho.

Hoje, o pequeno ateliê de costura se tornou um grande negócio, onde um dos principais serviços é fornecer uniformes sociais para empresas diversas.

Sobre a iniciação no mercado

Agora que o conceito de B2B foi estabelecido, podemos falar um pouco mais sobre como esse tipo de negócio tem potencial para ser iniciado dentro do mercado.

Anteriormente, listamos alguns tipos de marketing que podem ser utilizados na hora de colocar o nome de sua empresa lá fora. Uma em específico, principalmente para esse momento, é o marketing de relacionamento.

Marketing de relacionamento é o tipo de marketing em que a empresa cultiva uma boa parceria com os seus clientes e os estuda. Ter uma boa perspicácia de como seus clientes reagem aos serviços prestados é sempre uma vantagem para a campanha.

Uma vez que o cliente fica muito satisfeito, se torna mais provável a possibilidade de ele recomendar seus serviços para outros negócios, o que já leva a outro tipo de publicidade, o famoso buzz marketing, ou boca a boca.

Quando os próprios clientes propagam sua fama, a chance de trazer novos consumidores é muito maior, criando uma espécie de cabeamento estruturado empresas parceiras.

Mas a questão principal do marketing de relacionamento é que, quando o relacionamento cliente-empresa é o foco, a probabilidade de acontecer outros contratos é maior, uma vez que esse cliente pode virar cliente ativo, isto é, aquele está voltando com frequência.

Esse tipo de resultado é bastante almejado, posto que pode proporcionar um pouco mais de confiança para investir em seu negócio e vê-lo crescer. Um cliente amigo se torna uma segurança para que o seu negócio não decline.

Contudo, para obter esse tipo de resultado, é necessário que as B2B invistam em algumas estratégias de marketing de negócio ou aprimorar as já existentes.

1 – Marketing de relacionamento

O marketing de relacionamento trata-se da priorização da boa experiência do cliente para que, possivelmente, ele se torne um cliente ativo.

Cultivar essa relação entre empresa e cliente começa com o bom atendimento. Receber o seu cliente em um ambiente agradável e fazê-lo sentir-se confortável ajuda muito, ainda mais para solidificar contratos.

Mostrar seriedade, mas ao mesmo tempo deixar seu cliente tranquilo é um bom começo para estabelecer um relacionamento, ainda mais quando se trata de negócio para negócio.

Ser presente para o cliente, ouvir o que ele procura, transmitir sobriedade e leveza são todos meios favoráveis para estabelecer um relacionamento duradouro.

Para empresas de recepção ou telemarketing, por exemplo, mostrar que seus colaboradores são capazes lhes permite o destaque almejado e desenvolve segurança para o cliente, por consequência trazendo uma relação mais solidificada.

Somado a isso, focar na conquista de clientes ativos deve ser prioridade para enraizar e evoluir o seu negócio.

2 – Investimento em marketing digital

O marketing digital tem crescido de um jeito absurdo nos últimos tempos, e não é por acaso. Ter o nome de sua empresa nas redes sociais é vital para o reconhecimento, visto que possibilita que horizontes se abram para o seu negócio.

Para algumas áreas de negócio chega a ser o pivô, como para uma companhia que presta suporte de TI para pequenas empresas.

Investir em marketing digital torna possível alcançar públicos que você talvez nem cogitaria se não fosse pela troca e respostas de clientes, o que se aplica para todos os tipos de empresa.

Afinal, hoje em dia, a maior parte dos serviços são digitais. Não acompanhar a constante evolução tecnológica simplesmente pode te deixar para trás, podendo até se tornar irrelevante no mercado, mesmo que o foco do seu negócio seja B2B.

3 – Inbound Marketing (ou Marketing de Atração)

O Inbound Marketing é o tipo de estratégia que leva conteúdo para atingir e chamar a atenção de um público específico. Tem o intuito de trazer os possíveis clientes até você, por essa razão, também é conhecido como Marketing de Atração.

Esse tipo de estratégia funciona adequadamente dentro do marketing digital, podendo ser usada por negócios B2B.

Quando o cliente necessita de algo ele vai à procura, portanto, se mostrar como opção é uma grande vantagem. É o equivalente a ter uma porta sempre aberta para que novos clientes possam entrar.

Existem vários meios para aplicar o método Inbound, por exemplo, uma empresa de decoração para restaurantes pode utilizar as redes sociais para ter seu catálogo estampado e chamar a atenção para seus serviços, fazendo da internet sua vitrine.

4 – Marketing ABM

Esse tipo de estratégia já é um pouquinho mais complicada, já que é preciso investigar mais a fundo os seus targets.

O Marketing ABM surgiu da ideia de concentrar os esforços de marketing em empresas específicas. A campanha estaria totalmente focada em mostrar que uma organização pode levar o que é procurado por seu alvo.

ABM é a sigla de Account-Based Marketing, ou em português, Marketing Baseado em Conta. O termo “conta” aqui se refere a perfis de redes sociais, e essa estratégia é mais uma vertente do marketing digital.

O método vem crescendo há pouco tempo e ainda não possui muitos adeptos, mas pode ser um diferencial para o seu negócio, uma vez que que se dá muito bem com o modelo de negócio Business to Business.

Apesar de parecer arriscado, a estratégia tem sido observada com um alto índice de ROI (Return over Investment, ou Retorno sobre Investimento) para empresas B2B, além de trazer uma nova perspectiva de contato.

Para um negócio focado em fornecer transporte fretado para empresasde grande porte, a estratégia ABM é uma boa opção para conseguir chamar a atenção para si e atrair clientes recorrentes nesses grandes negócios.

Acompanhe seus resultados

Estar em paralelo com as tendências do mercado é de principal foco para se manter relevante e ativo dentro do mercado. Além de obter muito mais a atenção do público que você quer.

Seja dentro dos meios digitais ou para dar destaque a seus produtos, prestar atenção no que há de novo ao seu redor permite que sua empresa cresça e evolua juntamente com o mercado.

Portanto, inove em suas tecnologias e esteja atento à procura de seus alvos, além de manter-se relevante, pois isso proporciona toda a informação necessária para colocar suas estratégias de campanha em prática.

Essas ações ainda possibilitam a habilidade de estar um passo à frente de seus concorrentes, considerando que te dão destaque.

Por exemplo, uma pequena B2B que tem como negócio o aluguel de sala comercial por hora pode inovar na decoração ou estrutura das salas, ou até mesmo trazer algo novo no processo de locação.

Tudo isso tendo em vista o destaque da empresa. Por isso, esteja atento e forneça um diferencial em seus serviços.

Considerações finais

Por fim, podemos concluir que investir em estratégias de marketing de negócio para a sua empresa B2B é de suma importância.

Inove, esteja atento e se mantenha relevante, e não se esqueça de investir no marketing digital e suas facetas e, principalmente, na conquista de clientes ativos.

Empresas Business to Business não devem atuar somente no boca a boca ou meios já ultrapassados, e sua empresa não precisa ser tradicional para mostrar seriedade. Invista e não tenha medo de se colocar nas redes, pois isso pode te trazer um grande retorno.

Veja outros conteúdos:

Cadastre-se e faça parte da nossa lista exclusiva de conteúdos!

Dicas de postagem: 12 formas de aproveitar conteúdo quando se está sem ideia

Confira as nossas dicas de postagem e saiba como aproveitar conteúdos prontos para movimentar suas redes e atrair mais pessoas!

6 motivos para empresas de software investirem em marketing

Um dos principais motivos para empresas de software investirem em marketing digital é serem facilmente encontradas nas redes ou no Google.

Marketing na saúde: estratégias e cuidados necessários

Pensando em ajudar você desmistificar o marketing na saúde no digital, produzimos este conteúdo! Acesse e confira as dicas que separamos.

Ainda tem dúvidas sobre o quanto sua empresa pode ganhar investindo em marketing digiTal?

Fale com um de nossos profissionais e conheça o plano ideal para ter resultados na internet!